Quarta-feira, 20 de Maio de 2009

Coisas boas!

 

Para quem não sabe... no passado dia 18, fiz anos... Pois, um aninho mais crescidinha, hehe!

E o maridinho (muito querido e generoso), além de me levar a jantar fora (ufa , que desta vez saí da cozinha!!!!), ofereceu-me esta preciosidade: uma bonita caixa de óleos Rembrandt!!!! Adorei! A ver se lhes dou algum uso de jeito, hehe!

 

 

E os meus queridos 3 filhotes ofereceram-me este livro, que me parece bastante interessante! Pois, é uma "bibliazita" da Taschen só sobre MULHERES ARTISTAS! Obrigado, amorzinhos, adorei!!!!!!!

publicado por Sara V. às 16:41

link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Terça-feira, 28 de Abril de 2009

Uma sugestão interessante

 

 

Comprei este livro à Rita, a minha filhota mais crescida (7 anos).

Acho que é bem interessante, além de bonito. Parece-me uma forma engraçada de aproximar as crianças da Arte, de lhes mostrar um pouco esse mundo de beleza... Tem curiosidades engraçadas sobre alguns dos pintores mais famosos, sobre alguns dos quadros mais conhecidos... Ela anda a lê-lo e está a gostar. Eu também o vou folheando, hehe, e também acho que está bem feito.

Se não me engano, há mais dois desta colecção...

Vale a pena.

publicado por Sara V. às 15:01

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 13 de Outubro de 2008

Outra sugestão a ter em conta

 

Acertaram! É este livrito, pois!

Chama-se "Manual Práctico do Artista", escrito por Ray Smith, da Editora Civilização. Tem 384 páginas. E não é propriamente barato mas também não é uma fortuna. Custou-me cerca de 32 euros, numa dessas livrarias conhecidas, agora nas férias de Verão. E desde já vos digo que valeu bem a pena. De vários do género que já me passaram pelas mãos, este foi, até à data, o que mais gostei. É muito completo.

 

Na contra-capa diz o seguinte:

"Abordagem prática às mais diversas técnicas de expressão artística, desde pintura e desenho, a gravura e fotografia".

Texto simples, acessível a todos, descreve numa linguagem clara e leve, métodos clássicos ou inovadores, equipamento tradicional ou alternativas a este, problemas e dificuldades e até mesmo técnicas de restauro, conservação e caixilharia.

Mais de 1000 fotografias e imagens a cores ilustram materiais, técnicas, projectos e exemplos de obras finalizadas."

 

Confesso que adorei. Parece uma mini-bíblia geral... Não, não o li de uma ponta à outra. Passei os dedos e os olhos por todas as páginas e debrucei-me sobre as que actualmente me interessam ou dizem respeito a matérias e técnicas que pretendo a curto e médio prazo experimentar. Mas acho tão agradável saber que nas outras páginas estão informações sobre uma imensidão de coisas que também vou querer aprender e fazer... Ali, à minha espera! Hehe!

Aprendi e/ou fiquei a conhecer muitos truques e materiais... Certamente, que cá faltará bastante mas uma coisa já aprendi há algum tempo (jeitoso), que a Arte é ilimitada, vai até onde a imaginação nos levar! Portanto, este Compêndio já é mesmo muito bom!

 

Sumário:

Materiais - pigmentos, óleos, resinas, colas e gomas, ceras, solventes, aditivos

Suportes e superfícies - suportes rígidos, suportes flexíveis, superfícies

Desenho - lápis, lápis para todos os fins, lápis de cor, pastéis macios, pastéis de óleo, lápis de cor e conté, carvão, ponta de prata, cartão raspado, desenho a pena, pincel e tinta, outras técnicas de desenho

Pintura - Equipamento, aguarela, guache, têmpera, tintas de óleo, acrílicos, encáustica

Gravura - gravura em relevo, gravura em talha, litografia, serigrafia

Meios digitais e fotografia - manipulação da imagem digital, fotografia

Técnicas aplicadas - buon fresco, técnicas murais (parede seca), pintura e gravura laminados, azulejos, esmalte vítreo, vitrais, corte a laser/jacto de água, vinil e linóleo, mosaico, plantação, luz

Conservação e molduras - conservação, envernizamento, exame técnico de pinturas, molduras

Apêndices - cor, perspectiva, transferência de uma imagem, o estúdio, exposição dos trabalhos, arte pública, saúde e segurança

 

 Alguns exemplos...

Desenho de "alta qualidade" a lápis

Desenho a lápis pulverizado com tinta acrílica

Desenho a pastel de óleo e acrílico raspado

Desenho com ponta de prata

Aguarela, técnica do húmido sobre húmido

Pintura acrílica com técnica de raspagem

publicado por Sara V. às 09:33

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 22 de Agosto de 2008

O desenho da figura humana II

Ora, aqui está outro livro interessante sobre o desenho da figura humana...

Chama-se "Figura", da colecção "Escola de Desenho e Pintura" - Método para aprender, dominar e desfrutar os segredos do desenho e da pintura".

É do Círculo de Leitores. Os textos são de David Sanmiguel e a tradução de Manuel Barreiros. Edição de 2005.

 

"A representação da figura humana abrange muitas disciplinas: a anatomia, a proporção, o movimento, o retrato... Nesta colecção já foram editados títulos que abordam alguns destes aspectos parciais. Esta obra vem completar o estudo da figura humana respondendo às questões que se põem ao iniciar a sua representação. Todas as explicações são acompanhadas de exemplos práticos e exercícios que convertem este livro numa útil ferramenta de trabalho."

 

Alguns exemplos do que poderão encontrar...

       

Carvão                                      Sanguínea

 

     

Grafite                                             Tinta da china

 

 

Pastel seco

 

Aguarela

 

Na minha opinião, ninguém pode dizer que nunca vai conseguir desenhar ou  que vai aprender a desenhar maravilhosamente. Ou seja, a maioria das pessoas diz não ter qualquer jeito para desenho e muitas não têm também gosto... Existem dicas, truques, coisas básicas que podem ser aprendidos e fazem com que qualquer pessoa consiga desenhar algo compreensível e razoável. Refiro-me ao género de ensinamentos presentes nesta obra, por exemplo. Por outro lado, acho que quem desenha maravilhosamente é porque traz consigo um dom... e, depois, obviamente, o trabalha.

Como diz a minha professora, não se aprende a desenhar e pintar apenas na Faculdade de Belas Artes, mas sim, também - e especialmente - por se ler muito sobre o assunto, por se pesquisar e passar à experiência... Nós, devemos ter essa vontade, sentir essa necessidade de procurar novas formas de abordagem e de experimentá-las... E é assim que nos encontramos...

Na minha opinião, eu que sempre tive a mania dos livros (já que fui autodidacta em termos de Desenho e Pintura a maior parte da minha vida), este livro que aqui vos apresento é bastante razoável. Interessante, será o termo mais correcto. Tem uma linguagem muito acessível e ensina alguns aspectos do desenho da figura humana (tanto de anatomia como de proporção) à luz de diversas técnicas. Carvão, tinta da china, pastel, aguarela...

 

 

Recomendo para quem estiver interessado no tema e for curioso. O preço é acessível...

publicado por Sara V. às 00:19

link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|
Segunda-feira, 22 de Outubro de 2007

Desenho da cabeça humana

            

 

Continuando o ciclo que iniciei de sugestões de livros para aprender a desenhar e a pintar, trago-vos agora uma sugestão para o DESENHO DA CABEÇA HUMANA.

Rostos, quem nunca teve vontade de desenhar um?! Quem nunca tentou desenhar a cara de um amigo ou de um familiar por forma a que o conseguissemos identificar?

Pois... apenas quem goste de desenhar... Mas, garanto-vos que é quase uma "ciência", até porque não basta captar os traços do modelo, também é necessário captar a sua alma através da expressão seleccionada, o que, pessoalmente, considero o mais difícil.

Todavia, para começar, há que perceber um pouco de anatomia. Ter noção das dimensões, proporções e distâncias médias a que as nossas cabeças estão sujeitas, para que depois possemos captar os pormenores que nos diferenciam uns dos outros.

Como gostei razoavelmente da colecção, o livro que sugiro é:

"O Desenho da Cabeça Humana sem Dificuldade", do mesmo autor Burne Hogarth, publicado pela mesma Evergreen (is an imprint of Benedikt Taschen Verlag Gmbh).

A edição cujas capa e contra-capa apresento em cima data de 1999, se bem que os direitos de publicação da original tenham sido adquiridos em 1965 nos EUA.

Penso ter-me esquecido de salientar no post anterior, que estes livros de Burne têm um preço acessível, caso estejam interessados. Quando os comprei rondavam os 13 euros, pelo que não devem ultrapassar muito os 15 euros...

"O estudante de Belas Artes deve dominar numerosas expressões de desenho, e representar a cabeça humana é a mais complexa de todas. Restituir a delicadeza das suas formas, a sua estrutura e as suas proporções constitui um desafio permanente que Burne Hogarth aceitou na presente obra. Em cinco capítulos e mais de 300 ilustrações a preto e branco, ele descreve de uma forma clara as características fundamentais da cabeça e do rosto, e demonstra o que é preciso levar em linha de conta aquando do movimento giratório da cabeça e de que maneira os diferentes pregueados podem influenciar o retrato individual. Hogarth estuda o envelhecimento da cara  desde a nascença até à idade avançada assim como os diferentes tipos de cabeça. O capítulo final é dedicado a retratos célebres de Miguel Ângelo, Leonardo Da Vinci, Caravaggio, Durer, Rembrandt, Kathe Kollwitz e Picasso. Um guia indispensável para todos aqueles que querem aprender ou aprofundar a arte do retrato."

 

"Com este livro aprenderá a:

- desenhar correctamente a forma, os contornos, as proporções da cabeça

- analisar e representar os principais tipos de cabeça

- reproduzir todas as formas características do rosto, como o nariz, a boca, os olhos, etc. e aprender correctamente qual a relação entre elas

desenhar a cabeça de frente, a três quartos e de perfil

- reconhecer as mudanças específicas que a cara sofre desde a nascença até à idade avançada."   

Agora, alguns EXEMPLOS DO QUE PODERÁ ENCONTAR:

Como já referi, descobrirá o rosto desde a nascença até a uma idade mais provecta. Mas detalhadamente, poderá apreciar o mesmo rosto com 1 dia, 6 meses, 1 ano, 2 anos, 3,5 / 4 anos, 6-7 anos, 8-9 anos, 11-12 anos, 14-15 anos, 18-20 anos, 25 anos, 30 anos, 35 anos, 40 anos, 45 anos, 50 anos, 55 anos, 60 anos, 65 anos, 70 anos, 75 anos e 80 anos!

 Rosto com 1 e com 2 anos

 

Rosto com 3,5/4 anos e com 6-7 anos

 

Rosto com 14-15 anos e com 18-20 anos

 

Rosto com 35 anos e com 40 anos

 

Rosto com 75 anos e com 80 anos

publicado por Sara V. às 14:13

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|
Domingo, 21 de Outubro de 2007

O desenho da figura humana

                  

 

A pedido de uma amiga - se bem que já tinha na ideia fazê-lo - vou, agora, dar algumas sugestões de livros para aprender a desenhar e a pintar. Mas comecemos pelo Desenho...

Na minha opinião, os livros do género «aprenda você mesmo» não deixam ninguém a desenhar e a pintar na perfeição, como é óbvio, porque as nossas próprias faculdades/vocações contam e de que maneira, mas para quem tiver interesse e não souber como começar ou quais os principais pormenores a ter em conta, podem, então, ser uma ajudinha. Além disso, conhecimentos apreendidos nunca são demais, não é?!

Assim, inicio o ciclo pelo DESENHO DA FIGURA HUMANA.

Este livro, cujas capa e contra-capa aqui poderemos ver, chama-se "O Desenho da Figura Humana sem Dificuldade", é da autoria de Burne Hogarth e publicado pela Evergreen (is an imprint of Benedikt Taschen Verlag Gmbh). A edição que vos mostro é de 1998, mas a original data de 1970.

ALGUNS EXEMPLOS DO QUE PODERÁ ENCONTRAR:

 

 

"Esta obra não é um curso intensivo de desenho, nem um conjunto de truques a decorar para poder desenhar figuras. Séries de desenhos, análises e textos bem concebidos ajudam-no a captar o corpo humano em movimento e a prendê-lo ao papel. O livro de Burne Hogarth oferece pela primeira vez um sistema convincente e completo que facilita o desenho do corpo humano."

 

"Aprenderá com este livro a:

- criar figuras, tal como os grandes mestres

- desenhar a figura humana como um corpo sólido tridimensional no espaço

- gerar a ilusão de plasticidade através da reprodução fiel das formas individuais do corpo humano

- representar o corpo humano em diferentes fases do movimento".

Pelo menos, com o presente livro, aprenderão a perceber melhor as proporções do nosso corpo, a conhecerem melhor a nossa figura.

 

Uma dica: comecem por utilizar uma folha de papel vegetal e tentem copiar uma imagem que vos agrade. Com este exercício, irão familiarizar-se com o traço, o percurso; irão adquirir uma noção mais real. De seguida, tentem fazê-lo sem a ajuda do papel vegetal e, depois, aventurem-se!

publicado por Sara V. às 16:22

link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|
Sexta-feira, 28 de Setembro de 2007

Novas sugestões - Últimas compras

Caros amigos e leitores,

Não me esqueci deste cantinho, não, não... Tenho é andado ocupada e com pouco de novo para mostrar. Assim, deixo-vos uma sugestão de mais livros de arte.

Pois é, enchemos as estantes com os grandes pintores mundiais - 99,5% dos quais estrangeiros - e aprendemos imenso com eles. Entretanto, descobrimos uma lacuna no nosso conhecimento... e quem são os mais afamados pintores portugueses? O que se pinta por cá? Como colmatar a nossa ignorância? Não é fácil verem-se livros sobre a sua obra e a sua arte. Na verdade, já encontrei alguns do Círculo de Leitores (mas não de pintores que me interessassem para já) e outros (não sei de que editora) sobre dois ou três artistas, grandes, completos e caríssimos!

Fiz uma descoberta simpática: a Caminho editou - e está a editar - uma colecção de livros (pequenos) sobre as grandes figuras das nossas artes plásticas, a um preço muito acessível, por menos de 10 euros. Assim, sempre dá para ficarmos com uma ideia e para apreciarmos alguns trabalhos.

 

Então, ontem comprei:

Almada Negreiros

Júlio Pomar

Paula Rego

publicado por Sara V. às 13:37

link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
|
Sábado, 7 de Julho de 2007

Livros que recomendo III - sobre arte

Este “Guia de História da Arte” é bastante razoável. Claro que parto do pressuposto que haja melhores e mais completos mas para quem deseja despender algum dinheiro (sem ser um exagero), ou seja, por volta dos 30 euros, aqui tem um livro suficientemente completo num formato pequeno para levar para a esplanada.

A 1ª edição data de 1994 e tem 287 páginas.

Sob a direcção de Sandro Sproccati , com tradução de Maria Jorge Vilar de Figueiredo, a editorial Presença lançou este compêndio artístico, onde os artistas e as obras dos movimentos do século XIV aos nossos dias são tratados resumidamente por conceituados conhecedores.

Gostei da quantidade de ilustrações e da forma acessível como está escrito.

Folheá-lo é agradável. Recomendo a todos os curiosos e interessados na matéria.

sinto-me:
publicado por Sara V. às 16:08

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Junho de 2007

Livros sobre Arte II - Recomendo

Já agora, que mencionei os livros da Taschen, não poderia deixar de referir os mesmos em versão grande, mais completa, com capa dura. Fabulosos, embora o preço também já seja fabuloso – nada que se compare com os anteriores, conte para cima dos 30 euros. Mas, garanto-lhe que vale a pena  comprar os dos seus pintores preferidos. São muito muito completos – do melhor que há – e têm todas as ilustrações que gostaria de ver!

Se me dessem um ou dois de presente todos os anos, ficaria feliz.

Mais que recomendo.

sinto-me:
publicado por Sara V. às 18:44

link do post | comentar | favorito
|

Livros sobre Arte I - Recomendo

Quem ainda não os conhece?! Pois é, primeiro, vendiam-se apenas nas livrarias, agora já os podemos encontrar em alguns hipermercados.

São os  livros de formato pequeno da Taschen. Cada um um pintor – vida e obra.

A linguagem é acessível, as ilustrações são bastante boas. Será difícil não encontrar um que diga respeito a um artista que admire. São super baratos, dá perfeitamente para coleccionar, para comprar mesmo os de pintores que não são da sua preferência, quanto mais não seja para se cultivar e para adquirir maiores referências.

Se não tem paciência para ler, disfrute das imagens, é um pouco como ir ao museu sem sair de casa...

Gosto imenso, depois de já os ter lido, volta não volta, folhei-os, pelo prazer de apreciar algo belo. Por isso, recomendo.

sinto-me:
publicado por Sara V. às 18:40

link do post | comentar | favorito
|

Sara

pesquisar

 

Maio 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
18
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Coisas boas!

Uma sugestão interessante

Outra sugestão a ter em c...

O desenho da figura human...

Desenho da cabeça humana

O desenho da figura human...

Novas sugestões - Últimas...

Livros que recomendo III ...

Livros sobre Arte II - Re...

Livros sobre Arte I - Rec...

na maleta

Maio 2016

Março 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Maio 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Outubro 2013

Dezembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Abril 2012

Março 2012

Novembro 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Locations of visitors to this page Estou no Blog.com.pt

links

tags

todas as tags

RESERVAD@S TODOS OS DIREITOS DE AUTOR (É proibida a reprodução total ou parcial dos meus quadros/desenhos/ilustrações sem a indicação expressa das autoria e proveniência)

favoritos

novamente...pico, pico! (...

Mulheres retratadas em gr...

RESERVAD@S TODOS OS DIREITOS DE AUTOR (É proibida a reprodução total ou parcial dos meus quadros/desenhos/ilustrações sem a indicação expressa das autoria e proveniência)
blogs SAPO

subscrever feeds